Avançar para o conteúdo principal

Gaiolas e desta vez não douradas.

Andei finalmente a arrumar a sala... livros e mais livros, material de desenho e trabalhos manuais espalhados por todo o lado, uma loucura. Mas estava um dia tão bonito, cheio de sol a entrar pelas janelas, que fiquei inspirada. Decidi também finalmente onde colocar a gaiola que compramos num das Flea market. Não é incomum a ideia de usar gaiolas para decoração com artigos no interior, a minha ideia inicial era de usar a gaiola para por uma planta. Achava que o verde teria um contraste giro com a gaiola. Mas como esta não abre pela parte de baixo, e como tive pena de a partir de algum modo. Decidi-me por algo pequeno... Acho que não ficara sozinha.

Comentários

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Colecção Máquinas - Listagem

Como as vezes preciso de saber os modelos específicos das máquinas que temos, é melhor organizar uma lista.
[LISTA EM CONSTRUÇÃO]
Bencini Comet S1950s, italianafilm 127Link Interessante Ensign Ful-Vue Ful-Vue Super Fed 5 [FOTO]Kodak Retinette 1A (Prontor 250S) Nikon FM - (SN: 3331273)Lente: Nikon Lens Serie E - 28 mm 1:2.8[FOTO]Olimpus OM40[FOTO]Pentax K1000Lente Miranda 50mm 1:2 Smena 8M Zorki - 4K

Art Journal

Um dos desafios que lancei para 2014 foi a criação de um Art Journal para desenhar, anotar ideias, experimentar novas técnicas e materiais. Escolhi dois cadernos de capa preta e folha grossa, de tamanhos diferentes e lá fui experimentando.

Mas surgiram-me várias dificuldades. E conclui que não tinha escolhido os cadernos certos.

As folhas destes cadernos deverão ser mais grossas do que as que eu escolhi, apontemos pelo menos para mais de 120gr. Folhas finas fazem com as tintas passem de uma página para a outra, contaminando os trabalhos. O tipo de papel terá de se adequar ao tipo de projectos, materiais e gostos pessoais. Se quiserem fazer projectos de grafite, necessitam de um papel muito diferente do que se fosse para usar aguarelas. É também importante se o caderno é colado, cozido ou de argolas, etc. A parte do meio, no caso de um dos meus cadernos, impede que o projecto ocupe as duas páginas, pois não o consigo espalmar. Se gostarem de páginas individuais, poderão usar de argolas,…

Carving Block - carimbos

Este fim-de-semana decidi finalmente fazer os meus próprios carimbos, o que é como quem diz, usando linóleo ou borrachas e umas goivas, tentar esculpir  diferentes formas e desenhos para depois usar como carimbos. As possibilidades são inúmeras, desde pequenas formas, como corações e flores, a todo carimbos com texto e datas (atenção que terá de se inscrever na borracho ao contrário para depois sair direito no papel) para épocas comemorativas. Já tinha visto alguns trabalhos bastante interessantes em vários blogs (aqui e aqui) e decidi-me a arranjar umas goivas em condições e lá fui comprar o linóleo.

As goivas são a bom preço, entre 5€ e 8€ dependendo do número de assessórios.

Funcionam muito melhores que as dos chineses e são práticas.

O Linóleo é que é um absurdo de caro. Uma placa de 3 x 4 cm custou cerca de 3€. É uma placa pequena e tendo em atenção que o material é barato e usado para revestir o chão, terei de investigar onde arranjar a melhor preço.

Foi também curioso verificar…